Capa > Astronomia > Urgente: Lua sangrenta? Um eclipse lunar ocorrerá amanhã

Urgente: Lua sangrenta? Um eclipse lunar ocorrerá amanhã

NOTA* Ocorrerá na madrugada do dia 14 para o dia 15 de abril. Um ECLIPSE LUNAR TOTAL  de magnitude penumbral de 2,31 e umbral de 1,29 irá ocorrer em 15 de abril de 2014, será visível em algumas partes do mundo: ( Leste da Austrália, no Pacífico e nas Américas, ou seja, de todo o Brasil. ) Ainda será possível ver Marte um pouco maior do que habitualmente. Clique aqui

O eclipse começará às 01:54h, o máximo irá ocorrer a 04:46 quando a Lua atinge uma altitude de 22 °; este evento vai chegar ao fim às 07:38 da manhã horário de Brasília, ou seja, o final ocorrerá de dia e não será possível vê-lo.

A imersão da sombra terrestre na lua, para moradores do fuso -3h (correspondente ao horário de Brasília) ocorrerá a partir da 3:00 da manhã, com a lua aproximadamente a 45 graus de elevação em relação ao horizonte. Às 04:00 ela já estará completamente eclipsada, e terá, como companheiros no céu, Spica (α Vir) e Marte, já em direção ao horizonte oeste. A sombra começará a sair da superfície da lua a partir de 05:26. É importante notar que o final do eclipse não será visível no Brasil.
O mais interessante da ocorrência desse eclipse é o escurecimento do céu, que permitirá ver a olho nu estrelas que são bastante ofuscadas com a presença da lua cheia. Também brilhante será a presença de Marte, com mag. -1,4, já passada a data de oposição.

Mas…. Porque Lua Sangrenta?

Mesmo que a Terra bloqueie todos os raios do sol, a luz do astro se inclina ao redor da borda da Terra, e essa luz é refletida na lua. O tom avermelhado vem dos raios de luz indiretos que estão sendo filtrados pela nossa atmosfera – o mesmo efeito visual que faz um pôr do sol marcante. A nossa atmosfera funciona como um filtro, removendo a maioria da luz de cor azul, deixando apenas a luz vermelha e laranja que enfeitam a superfície da lua. Ainda assim, a cor não é estática. A lua pode mudar várias vezes durante as diferentes fases do eclipse, que vão de um cinza inicial ao laranja e âmbar. O brilho das cores também pode ser afetado pelas condições atmosféricas. Partículas extras na atmosfera, como as de uma erupção vulcânica recente, poderiam fazer com que a lua parecesse um tom mais escuro de vermelho.

Então, não se preocupe. O fenômeno é comum e realmente é muito lindo. #Compartilhe a CG

Confira também: Onde serão os próximos eclipses solares de 2014 / Saiba quando serão as próximas luas sangrentas

Fonte: Nasa, Nasa.GovLifesLittleMysteries

Sobre Júnior

Trabalho voluntário com a divulgação científica: ênfase em redes sociais. Apaixonado por climatologia e meteorologia que adora viajar para lugares lindos e se aventurar na natureza.

Comentar com o Facebook!