3 fotos de animais albinos bastante diferentes

21

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O albinismo é uma mutação genética na qual ocorre uma falha na produção de melanina. A melanina tem o papel importante na saúde, pois ela é uma barreira natural contra as radiações solares que recebemos diariamente. A melanina é responsável não só pela proteção da pele, mas também pela cor.

A pele do indivíduo albino é frágil, fotossensível (por conta disso não pode ser exposta ao sol) e branca. A exposição ao sol não deixa a pele de albinos bronzeadas, mas pode causar queimaduras. Isso faz com que se torne mais provável que se tenha câncer de pele quando se é albino.

O albinismo não atinge somente seres humanos, mas também animais de diversas espécies. A Climatologia Geográfica separou hoje para você 3 animais albinos que você provavelmente não imaginava que fossem assim.

O albinismo em animais é tão raro quanto em humanos, mas é mais comum em cativeiro. Animais albinos têm dificuldades de sobreviver na natureza (como o pinguim “loiro” que já vimos por aqui) por conta de problemas com a camuflagem que os albinos enfrentam, dificultando na hora de caçar e de se esconder de predadores.

naja+albina+61[1]

aranha-albina[1]

Beija flor albino
Beija flor albino

Fontes:

Toda Biologia

Hypeness

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...