Assim que a Terra ficaria com o derretimento de todas as geleiras

45

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Em 2015, a NASA revelou que os oceanos da Terra estão subindo mais rápido do que o esperado, e a agência espacial projetou que agora estamos condenados a ter pelo menos 90 centímetros de aumento do nível do mar nas próximas décadas.

Isso, por si só, seria suficiente para deslocar milhões de pessoas em todo o mundo, mas se essa tendência persistir e todas as nossas geleiras polares derreterem, prevê-se que os oceanos se elevem em 65,8 metros. Então, onde será que toda aquela água acabará?

A equipe de vídeo do Business Insider criou este mapa animado para nos levar a um passeio virtual de como todos os continentes ficariam em caso de degelo, e devemos admitir que é aterrador.

Algumas das áreas que se enquadram em primeiro lugar provavelmente não são surpreendentes: as ilhas baixas e as cidades já inundadas, como Veneza, desaparecerão rapidamente. E à primeira vista, o planeta realmente não parece muito diferente.

Mas quando o globo gira para a Ásia, as coisas ficam bastante diferentes, com grandes cidades como Calcutá e Xangai desaparecendo completamente no oceano (essa é uma população para quase 19 milhões de pessoas). Você também pode dar adeus à Florida.

O mais chocante é que este mapa não é algum tipo de projeção louca de um futuro improvável – com certeza, as coisas não se parecerão assim na nossa vida, mas os cientistas já previam regularmente um futuro em que não há mais gelo permanente Terra.

E se houvesse suficiente carbono na atmosfera para aquecer as coisas, o aumento do nível do mar provavelmente seria a menor das nossas preocupações, com a temperatura média do planeta podendo atingir cerca de 26,6 °C e substituindo os 14,4 °C atuais. Isso causaria danos à vida vegetal e animal.

Mas enquanto todos já ouvimos esses tipos de projeções muitas vezes antes, é diferente ver realmente o efeito que nosso comportamento poderia ter sobre a forma física do nosso planeta com nossos próprios olhos, que é o que as animações como esta fazem tão bem.

Texto adaptado de Futurism.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...