Belíssima imagem do Atacama mostra halo englobando a Lua e Júpiter

O fenômeno El Niño, que tem sido muito forte no Pacífico nos últimos tempos, influenciou drasticamente o visual do Deserto do Atacama, no Chile. O fenômeno deixou o local, que é conhecido como o paraíso dos astrônomos, nublado.

Porém, mesmo com o céu nublado ultimamente, os telescópios gêmeos Magalhães, com cerca de 6,5 metros, do Observatório Las Campanas, capturaram uma visão panorâmica fantástica do céu do deserto. A imagem mostra a lua e estrelas rodeadas por um incrível e belíssimo halo.

O halo tem um raio retangular de 22 graus que é determinado pela geometria hexagonal de cristais de gelo atmosféricos, os mesmos que refletem e refratam a luz lunar.

Antes de continuar com a notícia, aqui está a imagem do belo acontecimento em um tamanho melhor:

halo

Viu o ponto mais brilhante dentro do raio do halo? Então, aquilo ali não é uma simples luz. O ponto central é na verdade o planeta Júpiter. Já no lado esquerdo, nós podemos ver a estrela Sirius, que é a estrela que mais brilha durante o céu noturno, e a Arctura na direita.

O Deserto do Atacama é um lugar bem seco e escuro. Já o seu céu é normalmente claro. Por isso, o local é uma ótima fonte de imagens do tipo. [NASA]

Comentários
Carregando...