Cachorro é capaz de identificar câncer de tireoide em amostras de urina

Crédito: Aleksandra Dabrowa / Shutterstock
11

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

De acordo com um relatório de uma equipe da área de Ciências Médicas da Universidade do Arkansas, um pastor alemão chamado Frankie foi capaz de detectar câncer de tireoide na urina de pacientes com 88% de acertos.

O câncer de tireoide ainda tem causa indefinida, e acontece quando células anormais crescem na glândula tireoide, que é localizada no pescoço. Ainda que os especialistas não conheçam as causas específicas da doença, mudanças no DNA de células individuais têm certa importância, assim como outros tipos de câncer.

 

Crédito: Aleksandra Dabrowa / Shutterstock
Crédito: Aleksandra Dabrowa / Shutterstock

 

 

Frankie, utilizando seu olfato treinado, conseguiu dar 30 diagnósticos corretos de um total de 34 pacientes com a doença. Das quatro falhas, duas foram falsos-negativos e duas foram falsos-positivos.

 

Entretanto, apesar da descoberta ser interessante, os pesquisadores dizem que de forma alguma (por mais óbvio que pareça) a ideia seria incluir testes com cachorros para identificar a doença. Os cientistas estão tentando identificar exatamente o que Frankie busca quando está cheirando a urina dos pacientes. Com isso, os testes laboratoriais poderiam se tornar mais precisos.

 

“Entendendo o que os cães percebem na urina dos pacientes pode nos ajudar a desenvolver um ‘nariz eletrônico’ para detectar as mesmas moléculas, o que pode nos levar a melhores diagnósticos no futuro”, disse Emma Smith da Cancer Research UK, em entrevista concedida à BBC.

 

Para demonstrar que uma amostra urina possuía indícios do câncer de tireoide, Frankie foi treinado para deitar quando percebesse a presença da doença.

Fonte: BBC

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...