Cidade da Inglaterra quer se tornar livre de emissões de gases até 2035

9

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Com informações de ScienceAlert

A cidade de Oxford, no Reino Unido, quer se tornar a primeira cidade livre de emissões de carbono em 2035. Por isso, as autoridades pretendem proibir as emissões do gás no centro da cidade ao longo dos próximos 20 anos. Para que a aceitação seja maior, a ideia é colocar a iniciativa em prática em fases, com as primeiras restrições chegando em 2020.

Os níveis de dióxido de nitrogênio (NO2) no centro de Oxford diminuiu ao longo dos anos, mas ainda permanece perigosamente alto, o que alerta a cidade também para a emissão de outros gases perigosos. Esse gás, em específico, é responsável por problemas rsepiratórios.

Proibindo veículos emissores de gases poluentes no centro da cidade de Oxford até 2035, as autoridades pretendem reduzir drasticamente a emissão do NO2, bem como outros gases.

“A poluição tóxica e ilegal do ar no centro da cidade está danificando a saúde dos moradores de Oxford. Uma medida de mudança se faz urgentemente necessária”, disse John Tanner, um dos membros do Conselho da Cidade de Oxford. “Todos que dirigem ou usam veículos movidos a gasolina ou diesel em Oxford estão contribuindo para a poluição do ar. Todos precisam fazer um pouco, desde o governo nacional, autoridades locais, até os empresários e a população”, concluiu.

Oxford é uma cidade caracterizada pelas ruas estreitas e grandes construções. Além disso, é berço da universidade mais antiga da Inglaterra. As ruas com pouco espaço fazem com que o trânsito seja quase sempre congestionado e as emissões de gases se tornem concentradas. Por problemas semelhantes, a capital da Inglaterra, Londres, também pretende aplicar taxas severas a quem utilizar veículos emissores de gases poluentes no centro da cidade a partir de 2020.

Os primeiros veículos que devem sentir as mudanças e restrições são os táxis, carros comerciais, particulares e ônibus movidos a diesel. A ideia é que em 2035 o centro da cidade tenha apenas carros elétricos circulando.

Existe a possibilidade do Reino Unido proibir a venda de veículos movidos a diesel e gasolina a partir de 2040, em um movimento que pode ser seguido pela França. A China também pretende alguma ação semelhante, apesar de não ter estipulado uma data para isso.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...