Cientistas planejam reintroduzir tigre russo extinto há 50 anos

50

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Originalmente por Lindsay Dodgson | ScienceAlert
Traduzido e adaptado por Leonardo Ambrosio.

Extinto em 1960, o tigre-do-Cáspio pode voltar a existir. Pelo menos essa é a intenção de um grupo de cientistas que não medirá esforços para encontrar uma maneira de trazer de volta à Terra a espécie extinta. O plano audacioso foi detalhado em uma publicação no Biological Conservation, e a ideia é reintroduzir o tigre-do-Cáspio a partir do tigre siberiano, que é geneticamente semelhante à espécie já extinta.

De acordo com os autores, o tigre-do-Cáspio vivia majoritariamente nas florestas russas, mas estudos sobre o fenótipo desses animais já comprovaram que eles seriam capazes de sobreviver nas condições áridas do Centro da Ásia, onde os cientistas pretendem reintroduzi-los. Durante seu auge, esses animais também eram encontrados na Turquia e em grande parte da Ásia Central – incluindo a região do Irã e Iraque, e no nordeste da China.

Climatologia Geográfica

Eles foram extintos na metade do século 20, principalmente por conta da caça, perda de habitat e escassez de alimentos. Durante os anos 1930, o envenenamento e a caça desses animais eram promovidas com prêmios na União Soviética, e projetos de irrigação durante a era soviética acabaram destruindo grande parte do habitat desses animais – o que fez com que as presas também fossem em bora, acabando com a comida disponível.

Pensando nisso, a equipe escolheu a região da reintrodução levando com consideração a forma como as pessoas que vivem por lá utilizam a terra. Eles acabaram chegando na conclusão de que o melhor local era o delta do Rio Ili, e a costa adjacente do Lago Balkhash – que possui cerca de 7000km².

Entretanto pode levar até mais de uma década para que as populações sejam levadas até lá de maneira inteligente e sustentável. Na região também vivem javalis e cervos – que seriam a principal fonte de alimento dos tigres.

Os tigres-do-Cáspio eram geralmente menores do que os tigres da Sibéria, mas os machos podiam pesar até 240kg, e os adultos cresciam a até 3 metros de comprimento – o que é mais que o tamanho da maioria dos grandes felinos que existem hoje em dia. Como efeito de comparação, os leões têm cerca de 190kg, os jaguares possuem 96kg e os leopardos pesam 31kg.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...