Como que o Sol produz energia?

A fusão acontece da seguinte maneira: Cada átomo de hidrogênio do Sol possui um próton e um elétron em órbita. No núcleo do astro, o calor e a gravidade são tão grandes que os átomos se fundem, gerando uma enorme quantidade de energia. Depois da fusão, dois prótons viram nêutrons e dois elétrons somem. Surge assim o hélio. E este processo se repete constantemente, enquanto uma estrela está ativa.

O Sol tem um grande papel, já que ele está no centro dos processos biológicos e químicos aqui na Terra. Sem ele, o ciclo de vida de plantas e animais acabaria, e no tempo, toda a vida na Terra deixaria de existir. A importância do Sol tem sido reconhecido desde os tempos pré-históricos.

O Projeto Ciência e Astronomia, que tem o objetivo de divulgar a Ciência de maneira acessível à todos, elaborou um vídeo explicando melhor sobre o processo da fusão nuclear dentro do Sol, no qual você pode acompanhar pelo streaming abaixo:

Apenas nos últimos séculos que os processos que alimentam o Sol têm vindo a ser entendidos. Graças a investigação em curso por físicos, astrônomos e biólogos, estamos agora em condições de entender como o Sol gira sobre a produção de energia, e como ele passa isso para o nosso Sistema Solar.

O estudo do universo conhecido, com sua diversidade de sistemas estelares e planetas extrassolares – também nos ajudou a estabelecer comparações com outros tipos de estrelas.

Comentários
Carregando...