f

Deixar de praticar exercícios afeta o cérebro até mesmo em curto prazo

Um novo estudo diz que parar de se exercitar, mesmo por apenas 10 dias, reduz o fluxo de sangue para várias áreas do cérebro, incluindo a que é responsável pelas funções cognitivas do cérebro.

Os cientistas já sabiam que interromper o exercício diário pode reduzir a resistência cardiovascular, assim os investigadores estabeleceram o objetivo de estudar o impacto desta interrupção no cérebro.

Com este fim examinaram, através de tomografias de ressonância magnética, o fluxo sanguíneo cerebral de adultos entre 50 e 80 anos, saudáveis e em boa forma física, antes e depois da pausa de 10 dias da prática de exercícios.

Após este período de descanso foi observada uma diminuição do fluxo sanguíneo em áreas importantes para a saúde do cérebro, incluindo o hipocampo, de acordo com o relatório publicado na revista Frontiers in Aging Neuroscience.

O hipocampo desempenha um papel vital na aprendizagem e memória e é uma das primeiras áreas do cérebro que contraem os pacientes com Alzheimer”, disse o autor do estudo J. Carson Smith, professor associado da Universidade de Maryland (Estados Unidos).

[Frontiers in Aging Neuroscience]

Você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...