Famoso telescópio de Arecibo, em Porto Rico, é afetado pelo furacão Maria

Dennis van de Water/Shutterstock.com
14

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Originalmente por Sarah Kaplan | The Washington News

Em meio à forte onda de furacões que temos acompanhado nos últimos tempos, os holofotes agora estão voltados ao furacão Maria, que atingiu Porto Rico, levando destruição por onde passa.

Além de deixar pelo menos nove mortos no Caribe e arrastar seus ventos de destruição para as cidades de Porto Rico, o furacão também prejudicou o famoso e histórico Observatório de Arecibo. Uma porta-voz da Fundação Nacional de Ciência dos EUA (que comanda o observatório) disse que o furacão que chegou a Porto Rico na quarta-feira derrubou várias árvores na região.

O observatório localizado em Arecibo é considerado como o segundo maior rádio-telescópio do mundo. Lá, já foram descobertos exoplanetas, bem como moléculas orgânicas em galáxias a milhões de anos-luz de distância, entre outras coisas. Os famosos cientistas Frank Drake, Jill Tarter e Carl Sagan também trabalharam no local, em busca de vida extraterrestre.

Dennis van de Water/Shutterstock.com

Fechado desde segunda-feira por conta da previsão de fortes ventos, um grupo de funcionários deverá voltar ao observatório nesta quinta-feira para analisar os danos causados. Se as condições forem boas, todas as operações deverão ser retomadas a partir da sexta-feira.

Os preparativos para o furacão foram fotografados e publicados no Twitter, através da conta do astrônomo Robert Minchin.

https://twitter.com/robminchin/status/910113279221141504/photo/1

As câmeras da Estação Espacial Internacional fizeram imagens impressionantes do furacão Maria atingindo Porto Rico.

 

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...