O Sol está começando a enfraquecer? Entenda o que aconteceu com a nossa estrela

96

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Pela segunda vez em menos de um mês a superfície do Sol ficou “branca”, fenômeno que mostra que a estrela está entrando em uma nova etapa da diminuição de sua atividade, segundo o meteorologista Paul Dorian de Vencore Weather.

As imagens obtidas pelas NASA mostram grandes manchas solares visíveis na superfície do Sol, o que mostra que a atividade solar é a mais baixa do último século, desde fevereiro de 1906.

O Sol aumenta e diminui sua atividade em ciclos de 11 anos desde que em 1755 começou o registro de manchas solares. Atualmente estamos no ciclo 24 e no último 4 de junho, pela primeira vez desde o recorde que foi registrado em 1906 de baixa atividade solar, a ausência de manchas solares foi a mais longa registrada, durando 4 dias. Desde esse momento, as manchas foram aparecendo devagar nas semanas seguintes até que tudo voltasse ao normal.

De acordo com os cientistas, este fenômeno indica que nos próximos anos haverá um número maior de dias sem manchas solares. Ao princípio o “vazio” durará poucos dias, mas depois o fenômeno reaparecerá e durará semanas, podendo durar meses e até mesmo alcançar seu ponto mais baixo de atividade.

A próxima fase de baixa atividade solar deve acontecer entre 2019 e 2020. Alguns pesquisadores até acreditam que possa acontecer novamente a fase Mínimo de Maunder, um pequeno período glacial que causou invernos rigorosos em algumas partes do mundo entre 1645 e 1715. [RT]

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...