Os humanos NÃO são os mamíferos mais violentos da Terra

71

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Cientistas espanhóis realizaram um estudo sobre a violência intra-específica entre 1.024 espécies de mamíferos e 137 famílias de animais em várias sociedades humanas. Os resultados foram publicados na revista Nature.

Os autores do estudo descobriram que os suricatos são os mamíferos mais violentos do mundo, uma vez que 19,4% das mortes entre animais desta espécie são causadas por congêneres (seres da mesma espécie). Outro dado interessante é que pelo menos 40% das espécies de mamíferos tendem a matar espécimes da mesma espécie.

Para chegar a este resultado, os pesquisadores analisaram mais de quatro milhões de casos de mortes entre espécies diferentes. Além de crueldade no reino animal, os cientistas analisaram o nível de violência em 600 sociedades humanas desde o Paleolítico até o presente.

Eles descobriram que os povos pré-históricos não foram mais agressivos do que seus ancestrais, os macacos, mas com o advento da civilização o nível de violência foi aumentada até atingir o seu auge na Idade do Ferro e Antiguidade Tardia. O investigador principal, Marcos Mendez, disse que os resultados do estudo mostram que a propensão da violência em nossa espécie tem uma origem evolutiva.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...