Pesquisadores desenvolvem bandagem injetável para tratar hemorragias

12

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Lesões internas, como as causadas por estilhaços, por exemplo, são bastante complicadas e podem muitas vezes levar a morte por hemorragia. Esses casos são bastante comuns em países em guerra – seja entre soldados ou entre vítimas. Nessas situações é necessário agir rapidamente para previnir a perda excessiva de sangue.

Agora, um grupo de pesquisadores do Inspired Nanomaterials and Tissue Engineering Laboratory estão fabricando com sucesso uma espécie de curativo injetável, que pode parar os sangramentos e ajudar na cicatrização de feridas.

O produto foi revelado em um artigo publicado recentemente na “Acta Biomaterialia”, onde o professor assistente Akhilesh K. Gaharwar, da Texas A & M University explicou sua produção. A bandagem injetável é feita a partir de carragena kappa, nanosilicatos, formando hidrogéis injetáveis que ajudam a estancar os ferimentos, bem como auxiliam no processo de cicatrização.

“Os hidrogéis injetáveis ​​são materiais promissores para alcançar a hemostase em caso de lesões internas e sangramento, já que esses biomateriais podem ser introduzidos no local da ferida usando abordagens minimamente invasivas”, escreveu Gaharwar.

Quando a carragena kappa (obtida de algas marinhas) é misturada com nanopartículas à base de argila, ela se transforma em uma espécie de gelatina injetável. As características das nanopartículas é que dão a capacidade hemostática para os hidrogéis.

A técnica é bastante promissora, porém demanda ainda novos estudos para que seja amplamente utilizada.

Você pode conferir outras informações sobre o estudo clicando aqui.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...