Artigos científicos, notícias e muito mais.

Próximo trabalho da Força Aérea dos EUA: Policiais espaciais?

Originalmente por Mike Wall | LiveScience
Traduzido e adaptado por Matheus Gonçalves

A Força Aérea dos Estados Unidos pode se tornar uma espécie de polícia espacial em um futuro não muito distante.

A economia fora da Terra não pode decolar, a menos que os mineradores lunares e outros empreendedores pioneiros possam operar em um ambiente seguro, afirma Thomas Schilling, tenente-coronel da Força Aérea estadunidense. “A marinha [dos EUA] assegura a liberdade de ação para o comércio global, e eu acho que haverá uma força muito semelhante na segurança que o mercado espacial vai precisar”, ele explicou em um simpósio no começo de abril. “Acho que este seria o papel da Força Aérea dos Estados Unidos no futuro.”

O CEO da United Launch Alliance (ULA), Tory Bruno, mediou as discussões, que contaram com Schilling, Jim Keravala (CEO da empresa Offworld), Andrew Rush (CEO da empresa Made in Space) e Sandy Magnus, ex astronauta da NASA. O encontro focou em atividades no espaço cislunar (entre a Terra e a Lua) que poderiam ajudar a estimular a criação de uma economia sustentável fora da Terra.

Esta realidade não parece muito distante, se considerarmos os avanços que acontecem na Estação Espacial Internacional ou o recente foguete da SpaceX que conseguiu aterrissar com sucesso, mostrando-se reutilizável. Estabelecer um ambiente seguro em que tal estabelecimento espacial possa existir é parte do esforço global, sublinhou Schilling.

Comentários
Carregando...