Vocalizações de babuínos podem dar dicas sobre a evolução da fala humana

41

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Uma nova pesquisa da Universidade do Alabama descobriu que os babuínos possuem cinco sons distintos que se assemelham a vogais – o que antes era considerado uma exclusividade dos seres humanos modernos. De acordo com os pesquisadores, essa capacidade de criar sons de vogais está conectada com a origem da fala. Entretanto, pesquisas anteriores afirmam que a laringe humana, localizada no pescoço, é necessária para produzir conjuntos distintos de vogais. Nos primatas, no entanto, a laringe não conseguiu produzir esses sons, de acordo com o resultado dos testes.

Mas agora, uma equipe de diversas especialidades diferentes analisou 1335 vocalizações espontâneas produzidas por 15 machos e fêmeas de babuínos. Essas vocalizações incluíam grunhidos, gritos e sons feitos durante a reprodução.

Climatologia Geográfica
Joel Fagot

De acordo com os pesquisadores, é difícil comparar as vocalizações dos primatas com as humanas, já que a fala dos seres humanos está condicionada à linguagem. Mas de forma reduzida, segundo Tom Sawallis, da Universidade do Alabama, os babuínos foram capazes de vocalizar os seguintes sons:

O som da letra “u”, como no famoso som supostamente feito pelos fantasmas: “uuuuuuuuuuu”, além dos sons da letra “i”, “o” e “e”.

Os humanos criam o som das vogais com movimentos precisos da língua, e os pesquisadores descobriram que os babuínos também conseguem fazer algo semelhante. Dissecando o corpo de babuínos que morreram de causas naturais, os pesquisadores foram capazes de perceber que o trato vocal desses animais é semelhante ao de uma criança humana, mas com cordas vocais semelhantes às dos adultos humanos.

Esse estudo, muito mais que apontar que os babuínos conseguem vocalizar vogais, mostra que a origem da fala talvez seja mais recente do que se imaginava.

Os detalhes do estudo foram publicados no PLOS ONE.

Fonte: LiveScience.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...