Você deseja mais do que comida quando está com fome

17

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A fome é uma parte diária da vida. Antes de cada refeição, ela nos chama para a mesa e nos lembra que nossa existência depende de colocar comida em nossas bocas. Fome é uma resultante da falta de alimentos, mas também pode representar uma vontade por algo completamente diferente. Metaforicamente falando, podemos dizer que alguém tem fome de conhecimento, de novas experiências, etc.

Entretanto, uma nova pesquisa mostrou que há mais do que metáfora no uso destas expressões. Fome pode fazer-nos almejar outras coisas além de comida. Além de mau humor e uma necessidade de encontrar uma cozinha, os efeitos da fome incluem um desejo forte para objetos como artigos de papelaria. Segundo a pesquisa, as pessoas que estão com fome parecem fazer mais compras.

Pesquisadores pediram que voluntários preenchessem um questionário sobre humor, fome, relaxamento e preferências relativas a prendedores de papel. Após, os participantes receberam prendedores de papel reais e foram questionados com perguntas estranhas como: “Você acha que esse prendedor de papel é fácil de usar?” e “O quanto você gosta deste prendedor de papel?”100_1085

Depois de brincar com os prendedores, os participantes foram questionados se gostariam de levar os objetos para casa. Os resultados: as pessoas mais famintas solicitaram mais prendedores de papel. De alguma forma, parecia que as pessoas com fome não queriam apenas comida, mas produtos não alimentares também.

A fome é um fenômeno complexo. Os juízes parecem sancionar penas mais severas se eles não tiram intervalos suficientes, possivelmente porque estão com fome. E embora possa parecer razoável que pessoas com fome vejam a comida de forma mais atraente – especialmente alimentos ricos em calorias – os homens com fome também acham mais atraentes fotos de mulheres mais gordinhas.

Para testar a conexão estranha em sua totalidade, os investigadores foram para o laboratório testar estes efeitos. Foi dito a um novo conjunto de participantes para se absterem de comer durante quatro horas antes do experimento. Chegando no laboratório, parte deste grupo foi convidado a comer um bolo. O grupo “saciado” de participantes enfrentou a mesma pesquisa do prendedor de papel utilizada no estudo anterior.

O grupo “com fome” trabalhou na ordem inversa: eles responderam ao questionário de prendedores de papel – com seus bolsos cheios de prendedores – e depois comeram o bolo. Como se esperava, o grupo saciado solicitou menos prendedores de papel do que o grupo com fome.

Esses estudos podem ter implicações para qualquer um que já tentou modificar sua dieta. Devemos estar cientes dos efeitos subconscientes da fome em nosso julgamento, para não sairmos estourando os limites do cartão de crédito sem necessidade.

Fonte: Scientific American

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...